A busca continua :(

Toda vez que vejo alguém que mora sozinho, principalmente alguém que aluga um apartamento, principalmente se é alguém de outra cidade que conseguiu fixar residência aqui no Rio, me bate uma certa tristeza.  Vejam bem, pq é uma confissão: é uma tristeza que vem de uma inveja profunda. E como não acredito em inveja boa, não acho que o meu sentimento é bom não. Mas é real. O fato é que não consigo acreditar em como essas pessoas conseguem.

Estou procurando apartamento com o João há mais ou menos 3 meses. Já vimos de tudo: Zona Sul e Zona Norte, apartamentos grandes e outros minúsculos (se o anúncio diz “cabe geladeira”, cuidado, pq é ou a geladeira, ou você), aluguéis inacreditáveis. Me dá uma vontade de chorar toda vez que me deparo com um preço abusivo, com um apartamento ruim ou pior – com um apartamento muito bom, mas que não vou conseguir alugar.

Pra checarem se você tem nome limpo, você tem que pagar. E não é pouco. Tenho que preencher uma ficha pra mim, uma pro João, uma pro fiador. Nessa brincadeira, R$ 180. Isso já deveria ser uma prova de que tenho algum dinheiro, mas não.

Saio na hora do almoço, saio mais cedo do trabalho, pq os horários de visitação de apartamentos são todos irreais. 11 da manhã. Quatro da tarde.  Ninguém trabalha? E toda vez que me encho de esperanças por um novo imóvel, algo acontece: alguém preenche a ficha antes, o proprietário desiste de alugar, sério, tem de tudo.

Então, grande parte das minhas preferências do começo estão no chão: só quero um lugar não muito pequeno, em uma rua não muito barulenta e perto do metrô ou de vários pontos de ônibus, pq não temos carro. Achei que isso fosse o básico, mas acho que é pedir demais.

50 thoughts on “A busca continua :(

  1. Juliana Machay says:

    Oi, Fernanda, não desanima (apesar de eu mesma ter desanimado 347 vezes). Acabei de achar o meu, que é fora de esquadro, pequeno (meu guarda roupa não cabe no quarto), mas toda vez que vou lá me encho de alegria e de idéias para transformá-lo no lugar melhor possível. O mercado de imóveis está em alta no RJ, e isso atrapalha nossa busca.

  2. MArcela de Vasconcellos says:

    Ai, Fê…tá foda.

    Eu ainda não comecei abuscar um lugar, mas a economia de dinheiro tá me tirando do sério.

    Isso porque eu decidi que quero morar sozinha, mas não vou sair da casa dos meus pais pra morar num lugar que só tem cama e geladeira. Até porque depois que vc se muda surgem milhões de despesas fixas e flutuantes e comprar um sofá nas Casas Bahia pode representar um rombo no orçamento.

    POr isso tô primeiro juntando $$ pra comprar pelo menoso basicão: sofá, geladeira, fogão, máquina de lavar, TV.

    Depois sim vou começar a busca e sinceramente? tô com medo. Cada lugarzinho mixuruco….

    Mas vamos lá! Sair do ninho não é mole, mas faz crescer!!

  3. Maíra dos Anjos says:

    AI AI AI… eu estou tentando economizar… quando formar a primeira coisa que quero fazer é começar a pagar um financiamento…

    mas sendo burguesinha que gasta mais que devia (BURRA!).. acho que tá distanteeeee =/

  4. Luana says:

    Fê, um lugar não muito pequeno, em uma rua não muito barulenta e perto do metrô, é o que todo mundo quer, por isso é tão difícil. Os alugueis aqui no Rio estão uma loucura mesmo. Já pensou em Zona Oeste? Tijuca?
    Boa sorte!! Não deixe de tentar que uma hora vai aparecer um apartamento pra você chamar de seu!
    Beijos.

      • Luana says:

        Fê, seguinte, acho que talvez você ache isso super estranho já que você não me conhece.. mas eu sigo seu blog há muito tempo e super tenho a impressão de te conhecer.
        Enfim, tenho uma amiga que está voltando pra França agora e quer alugar o apartamento dela aqui em Copacabana.. como ela está precisando de alguém pra ficar lá, e você de um lugar pra morar.. pensei em você.
        O apê é na barata ribeiro, entre a Dias da Rocha e a Constante Ramos e como é pros fundos não tem muito barulho, não é muito grande mas também não é tão pequeno, são 2 quartos e vem mobiliado. Não sei se você conhece a barata ribeiro, mas todos os ônibus do mundo passam ali e é a quatro quarteirões do metrô. O preço é super negociável.

        Entra em contato comigo se estiver interessada que eu te passo os telefones dela!
        Beijos.
        luanapape@hotmail.com

  5. Raquel says:

    Ah, não desanima não!
    Nós casamos e mudamos para Brasília, que é um pesadelo no quesito imóveis. Moramos num “apartamento” de 35 m2 que nem tanque de lavar roupa tem e pagamos uma pequena fortuna de aluguel, é um absurdo. Eu sei que quando decidirmos comprar um ape de verdade vai ser uó, pois qualquer lugar decente num lugar razoavel ( eu não dirijo e transporte publico aqui é uma piada) vai custar muito caro. Mas dá se um jeito, né?
    Continua procurando, só não entendi uma coisa: eles cobram para consultar seu nome sem ter certeza se vão alugar pra vcs? Porque nós só pagamos quando já estava acertado: eles reservaram o imóvel para nós, não tinha ninguém na nossa frente e o dono não ia voltar atras.
    Boa sorte! E espero de verdade que encontre um lugar legal que faça toda essa espera valer a pena!

  6. Fer says:

    força aí, Fê. uma hora o apartamento dos teus sonhos vai aparecer, e aí tu vai dar graças a deus q não alugou os outros antes e esperou por ele🙂

    beijo!

  7. Clara says:

    Fofa, não fica assim. É muito difícil mesmo, mas não pode desistir. Continua na luta que uma hora o apto aparece!🙂

    Beijinhos!

  8. Juli says:

    Fê, estas cobranças para fazer cadastro e pesquisar o pretenso locatário são ilegais, pois quem tem que arcar com estas despesas é o locador, pois o contrato de administração do imóvel é entre a imobiliária e o proprietário. Caso eles solicitarem os documentos você mesmo pode providenciar que fica mais barato.

    É ilegal mesmo, para a minha cunhada cobraram 350 nesta palhaçada e eu disse que era ilegal e depois que ela já tinha alugado mandou um e-mail pedindo o dinheiro de volta e a imobiliária devolveu.

    O problema que muitas vezes devido a falta de opção de imóveis o povo acaba pagando!

    • Fernanda Alves says:

      Cê jura, Ju??? Não sabia disso!
      O problema é que não posso simplesmente me recusar a pagar, pq a concorrência é muito grande e tem umas mil pessoas que topam.
      Mas se rolar de pagar (ainda não paguei a taxa, acho um absurdo) vou tentar cobrar de volta sim.

      Obrigada!

  9. Paula says:

    Calma amiga! Preseverança é a chave de tudo. Uma hora vc vai encontrar o lugar dos seus sonhos com o João. E aí, vcs serão felizes para sempre! Boa sorte!
    Beijinhos

  10. Cíntia says:

    Oi Fernanda!

    Entendo perfeitamente sua angustia, pois, passei por isso há 1 ano atrás.
    Tenho 23 anos e este ano, completarei 6 anos de namoro, destes 6, 1 ano foi dedicado para uma reserva financeira para a “compra” de um apto.
    Conselho: fuja do aluguel e se prepare para a compra de um imovel com seu namorado.

    Em Junho deste ano, vai completar 1 ano que compramos nosso apto. e em Setembro de 2011 vamos nos casar!

    Conhece o simulador da CEF? Veja: http://www8.caixa.gov.br/siopiinternet/simulaOperacaoInternet.do?method=inicializarCasoUso

    Invista em algo que será de vocês! Nem que seja para esperar um pouquinho mais… vale muito a pena!

    Sou de SP e escrevo pouco por aqui em seu blog, mas, te acompanho diariamente e adoro!

    Muito boa sorte!
    Cíntia.

  11. Catarina says:

    Fê, como já disse muita gente, não desanimes! O teu apartamento vai aparecer, é só ter pensamento positivo. Eu entendo muito bem a tua situação porque também quero muito ter o meu espaço, queria muito morar sozinha. Mas com o salário que eu ganho não dá nem para pagar a renda completa, imagina as outras despesas. Os preços são abusivos e nada a ver com a realidade dos apartamentos, que na maior parte das vezes deixam muito a desejar. E aqui continuo eu, a viver na casa dos pais…mas sem perder a esperança! Isso nunca! Bjão

  12. Carol Trn says:

    Fê, olha só minha história, garanto q vc vai criar forças p/ continuar…. eu fiquei 02 anos sonhando com a casa perfeita (a gente já tinha achado “a casa”), só q a “propriaotária” era uma velha chata e tava fazendo c* doce p/ vender! e olha q a casa, era na roça rsrs e estava “abandonada”…. eu chorei, fiquei deprê, mais a vontade de morar com o namorido era maior, procuramos durante 02 anos, vimos outras casas (mais 06, contando com um terreno), q até gostamos, não nos apaixonamos, maaas compraríamos mesmo assim… rsrs, e até essas deram errado (07 opções e nada…..) um belo dia, depois de mil anos, vimos q a “nossa casa” estava a venda novamente, ficamos eufóricos e tal…. mas a “propriaotária” continuava louca e deu mais uma canseira de quase 3 meses na gente!!!!! Enfim, ela resolveu vender! marcamos hr na imobiliária e td o mais, nem dormimos,….. na mesa da imobiliária a louca quase desistiu de vender, acredita????? eu fiquei vermelha, quase chorei de raiva!!! Quem ela pensava q era??? Quase voei no pescoço dela…. mas meu (hj) maridão me conteve….. até a assinatura da escritura, td foi muito tenso, o medo dela desistir era enorme….. mas ela cedeu!!! E hoje, vivemos na nossa casa, temos um BB lindo de um ano e meio, e rimos das milhares de vezes q choramos pq “td conspirava contra”!!!! Não desanime, três meses não é nada…. rsrsrs e com certeza vc vai encontrar um apartamento, sua cara, que caiba vc, o João, sua geladeira….. rsrs
    Bjos e mto boa sorte!

  13. Debora says:

    Vixe, Fê é tudo tão complicado. Vou começar desanimando mas animar no fim: aqui em Curitiba o mercado já é dificil então imagino no Rio onde não tem mais lugar pra botar apartamento. Eu e o namo começamos há um ano e meio uma busca bem mais criteriosa, isso porque tinhamos carro. Decidimos que queriamos algo amplo, apartamento antigo no bairro do São Francisco (que é a cidade velha daqui). O aluguel era mais ou menos quatro vezes o que poderiamos pagar na época. Todos shora, né?
    Buscamos muito, vendemos o carro pra encorpar uma entrada e comprar um muito longe mesmo do trabalho dos dois. Já estavamos aceitando qualquer coisa.
    Depois de um ano e meio de desentendimentos pelas buscas díficeis, economia constante e exaustão no visitar e olhar classificados, desistimos completamente.
    Foi uma semana depois de desistir que uma amiga me liga dizendo que uma outra amiga estava mudando de curitiba e queria locar seu apartamento. Fomos ver no escuro, sem saber onde era ou quanto era.
    Surpresa foi chegar e encontrar um apartamento de mais de cem metros quadrados, com cozinha vintage no São Francisco, cinco minutos do meu trabalho e com o aluguel+condominio exatamente no valor que podiamos pagar. Imagine a alegria.
    Isso foi duas semanas atrás.
    É claro que agora os problemas são móveis, decoração, chá de panela e AH MEU DEUS NÃO VAI DAR TEMPO, COMO VAMOS PAGAR ISSO. Mas no final, tudo dá certo. Não desanima não!
    às vezes você só não achou nada porque o apartamento dos seus sonhos ainda não cruzou seu caminho =)

  14. Beatriz says:

    Sei exatamente como você se sente. Estava nessa busca até ontem qnd consegui finalmente encontrar um apartamento pra morar com meu namorado. Os preços no Rio de Janeiro estão absurdos! Acabamos alugando um com preço alto mas que pelo menos é grande e o prédio e legal. Ah.. e ainda tem o condomínio! Só nessa brincadeira vou comprometer o equivalente a mais da metade do meu salário. Aiai… mas o mercado tá assim no Rio e parece que a tendência é piorar. Boa sorte pra vc!

  15. Camille says:

    Fernanda, eu achei meu apartamento com a ajuda de uma corretora autônoma, que saiu vasculhando nas imobiliárias algo parecido com que eu queria. Quando me mudei de cidade aqui em SC, achei o apartamento dos sonhos e ainda super barato, mas já tinha gente na fila. =(

    De qualquer forma, continuei procurando. Sozinha, foi horrível, mesmo: dava exatamente isso que tu falou, vontade de chorar. Tem lugares inacreditáveis, ficava fula com a ganância das construtoras, que fazem casa para passarinho, insalubres. Mas graças, hoje moro num lugar parecido com esse que tu descreveu no teu primeiro post sobre o assunto.

    Beijos e boa sorte!

    • Camille says:

      Ah, outra coisa que ajuda é andar bastante pela cidade, nos lugares que tu gostaria de morar, prestando atenção às placas. Tem muito proprietário que aluga direto. =)

      O que não dá é morar num lugar que tu odeia. Melhor esperar, mesmo que cause desânimo. É assim mesmo, em todo lugar.

  16. Raquel says:

    Olá!

    Vi que vc está na lista de blogs favoritos do blog De Chanel na Laje, e acho que vc deve saber que ele está fechando. Então, queria que vc ajudasse a divulgar uma campanha para convencer a escritora de lá a não abandonar seus leitores.

    Se quiser colaborar, é só passar no meu blog para pegar a imagem da campanha e divulgar no seu blog, além de pedir para ela através de comentário ou e-mail para ficar.

    Desde já grata!

    beijos!

  17. Loli says:

    Pra morar sozinho em um lugar que não seja um buraco horroroso tem que ter cacife$$$$$$$, fato… mas como vc vai se mudar com o namorado, menos mal, as coisas são divididas. Eu me mudei pra Manaus há 1 ano, por conta de um concurso público, e ainda bem que paga bem, porque nem te conto quando eu pago por um quarto e sala com cozinha americana. Acho que os aluguéis daqui só perdem pros de Brasília. Eu tô aqui de passagem e torço pra voltar pra casa em uns 2 anos, mas se eu fosse você tentaria ver se não é mais vantagem comprar um apartamento, na planta… dinheiro de aluguel é dinheiro que a gente joga pela janela.

  18. Áurea Figueira says:

    Olá Fernanda, tudo bem?

    então, é a Áurea, a menina q te parou na rua semana passada (desculpas).
    ano passado aluguei um apartamento de 2 quartos, sala, cozinha, banheiro e mini área, por R$700,00. é claro que não era muito grande, mas viviam 4 pessoas numa boa. era ali perto da UERJ, na São Francisco Xavier com a 8 de dezembro, e eu me lembro q tinham alguns apartamentos vazios no condomínio, acho q vale a pena da uma olhada. boa sorte! beijos

  19. Claudia Freitas says:

    Eu optei por comprar, o dinheiro da entrada foi na raça mesmo, a gente dividiu em três vezes e depois usamos FGTS. A prestação que pago hoje do meu apartamento pequenino é menor que um aluguel de kitnet e olha que moro no ES e o custo de vida nem é tãããão alto aqui.

  20. camis says:

    cara eu to pensando em me mudar, sozinha por causa dos estudos…mas só pensando. tipo, tenho muita preguiça e queria que caísse do céu hahaha. mas é difícil mesmo….o lance é conhecido de conhecido, indicação essas coisas…nao consigo confiar nos classificados, nao sei porque😦

    Bom boa sorte aí meu bemmm😀
    Beijos

  21. Janira Borja says:

    Fê, passei por uma situação parecida a sua e te digo que foi difícil mesmo… Meus pais moram numa cidade e fui estudar em outra (Salvador). Depois de algum tempo, já formada e trabalhando, eles resolveram comprar um apartamento em Salvador para que eu pudesse morar e ficar como um investimento, um patrimônio da família. Ficamos uns oito meses procurando apto e te digo que muitas exigências foram ficando no caminho… Como tínhamos um limite financeiro não muito grande, e eu não tinha carro (o que limita bastante as possibilidades, né, com nosso transporte público), as opções diminuiram mesmo… Chegamos até a gostar de um e acertar tudo com o proprietário, que acabou vendendo para outra pessoa no final de semana que pedimos para voltar à cidade de meus pais e pegar os documentos, acredita? Quase morri de raiva! Daí recomecei tuuudo de novo. Se é para comprar, foque no que será perene, como localização e tamanho do apto (se bem q a gente consegue se adaptar a lugares pequenos com o tempo). Por que o resto (piso, banheiro feio etc-etc) podem ser transformados e ajustados com o tempo. Compramos um apto velho, bem localizado e espaçoso. Mas, olha, que dor de cabeça, viu? Com o tempo, vc vai tendo que fazer uma coisa, outra, e depois mais outra…

    Se é pra alugar (também já passei por essa via crucis), faz como já falaram em outro comentário… Sai andando pelos lugares que vc gostaria de morar, olhando para os prédios, perguntando aos porteiros (fiz muito isso, eles sabem de TUDO) se tem alguém querendo alugar no prédio ou na vizinhança… às vezes, o povo não coloca cartaz porque tá alugando por imobiliária, mas aí o porteiro vai saber e te dizer! rs

    Boa sorte na tua busca!
    Beijo grande!

  22. Érica says:

    Os aluguéis no Rio estão mesmo um absurdo. O negócio é mesmo procurar bastante e dar sorte de encontrar um lugar legal.
    Moro num ape bem legal, mas foi encontrado assim, no boca a boca.
    Essa idéia de caminhar pelos lugares onde quer morar é excelente, pois pode acabar encontrando coisa muito boa. Outra dica legal é perguntar para porteiros e zeladores. Se conhece pessoas que moram perto de onde vc quer morar peça que perguntem aos zeladores, pois eles sabem de tudo.

    • Fernanda Alves says:

      Pois é, todo mundo me diz pra fazer isso. na verdade, até o mês passado a gente fazia isso, ia numa rua que gostava, perguntava a TODOS OS PORTEIROS mas, olha, acho que nem os porteiros estão salvando. Juro. Em dois meses fazendo isso, não consegui sequer ver um apartamento que fosse usando essa técnica. Na verdade, os porteiros mal me respondiam.

  23. LaReK says:

    O bom de alguém dividir uma situação é difícil é perceber que vc não está sozinha nas dificuldades que passa… ehehhehe! Até o sonho se materializar, vai muita sola de sapato – sorte que de sapatos a gente entende, ehehehhe!

    Eu passei um tempão economizando um monte e procurando apês. Como disse a Debora, a situação tá meio tensa aqui em Curita. Quanto mais eu procurava, parece que mais aumentava o preço dos imoveis. E pior, quando o preço do apê cabe no bolso, o que não cabe é o condomínio – e vice-versa.
    Bem, até que eu parei de ver coisas, porque para comprar um apê como eu queria, precisaria economizar muito mais. Duas semanas depois de sossegar o faxo, achei! É que, embora tenha sossegado, ainda dava uma olhadinha sem compromisso nos sites. Claro que algumas coisas que eu gostaria, ficaram para o segundo apê, mas não faz mal. Ele é lindinho e atendeu a maior parte das coisas que eu queria.

    Agora, tô aí: endividada até dizer chega num financiamento, sem comprar nem um lacinho de cabelo, mas feliz da vida!

    Com certeza, vc vai encontrar um que responda às tuas vontades – ou pelo menos parte delas, rs.

    Boa sorte e um grande beijo.

  24. Lual says:

    ai fê… fica assim não. vc vai achar. eu realmente achei um apê super bacana, mas com um monte de mas. energia ruim, infiltrações, rua barulhenta, etc… o preço tava salgado pra localização, mas os pontos positivos tb existem: coube no orçamento, grandinho, perto do metrô e de pontos de ônibus… boa sorte na sua busca!!!

  25. Manu says:

    Ahhh, gatona. Não é pra ficar assiim!!! Eu ainda tô longe desse sonho da minha casinha. E ainda mais da minha casinha com meu namorado. E ainda mais do meu namorado. Então, né? Já estamos na vantagem aí! Hahahahahaha.

    Mas sério, daqui a pouco vai aparecer algo legal… É difícil mesmo, mas vai rolar, tenho certeza. Não desanimaaa!!! NÃO DESANIMAAA!! (Aos berros, numa vibe motivacional.)

    Love u!

  26. Jessica Pinho says:

    Oi Fê!

    Então, também estou a busca incessante pelo apê dos sonhos, e muitas coisas devem ser levadas em conta, a questão da localização principalmente, hj o RJ está com um transito que não é dos melhores(leia-se tipo SP), e de fato, um lugar estratégico e de fácil acesso outros bairros, ônibus, metrô, taxi e afins, está bem concorrido. Porque você não tenta algo no Flamengo, Laranjeiras, Cosme Velho, que não é tããõ distante do Centro. Aqui vai uma dica de site que costumo entrar muito http://www.easyquarto.com.br, é um site pra quem quer dividir apê, mas já muitas casas e apartamentos vazios. Dá uma olhadinha, vai que rola.

    Beijos e Boa Sorte.

  27. dayna says:

    eu to passando exatamente pela mesma situação!!! inclusive enquanto escrevo esse coment aguardo pela aprovação de uma ficha que deixei ontem!!! genteeee..quase ofereci um hemograma completo pra somar a todos os outros milhoes de documentos que me pediram!!! eu sou do rio…moro em Botafogo e estou procurando algo na mesma medida($$$)…qse uma missão impossível! já faltei trabalho…já cheguei tarde…já saí cedo! enfim…e se a minha ficha não for aprovada hoje..começa tuuuuuuuudo denovo! não há quem aguente! SRS. PROPRIETÁRIOS nós não queremos roubarrr seu querido imóvel!!! entendam isso e facilitem a vida para nós humildes assalariados!!!

    aii…desabafei fê! obrigada! beijos!

  28. ana - hoje vou assim off says:

    Nossa, parece que to vendo filminho do que eu passei há mais de 3 anos. Foi esse mesmo inferno…e eu ainda gastava os tubos com taxi, pois saía dos aptos antes de todo mundo pra chegar antes da imobiliária pra deixar minhas fichas. É uma burocracia e uma máfia sem fim…tem que tomar cuidado. No meu caso, pra piorar, eu não tinha comprovante de renda, levava meu extrato bancário e depois descobri que meu fiador tinha nome sujo, HAHAHAHA!

    Só pra conseguir fiador eu tive que me humilhar…e quando consegui alugar eu chorava na rua, chorava a todos os pulmões, todo mundo olhava…era eu colocando o fim do desespero pra fora.

    No final não consegui o apto dos sonhos, mas é barato e o ponto é ótimo. Mas o prédio é velho, tem barata, vive dando problema elétrico…mas eu passaria por tudo de novo, pois morar sozinho é a melhor coisa que aconteceu na minha vida. Compensa.🙂

  29. Loli says:

    Gente, não é que o proprietário acha que vc vai roubar o imóvel, mas é porque a lei é muito protetora do inquilino, a coisa mais difícil que tem é colocar um inquilino inadimplente pra fora… por isso essas exigências todas.

  30. Camis says:

    Ai, Fernanda, força!
    Uma hora vc acha!
    Aqui em SP não tá diferente e olha que deveria ser mais fácil, não?
    É um festival de apartamento de 70m² custando quase meio milhão de reais, mas olha só, tem varanda integrada, seu ap vai ter 75m² por quase meio milhão de reais. E tem a academia do condomínio, com 40 esteiras e convênio com a Bio Ritmo, mas olha, é uma só para 2 torres com uns 100 apartamentos cada…
    E se o imóvel é antigo é pior, dá pra ter noção do quanto se cobra por um ap de mais de 100m², não? Tem bairro meia boca cobrando por metro quadrado coisa de R$ 7.000,00!!!! Me acode!
    Dá vontade de chorar mesmo e já perdi as contas de quantas vezes chorei. E o pior é que não tá dando nem pra partir pro aluguel, porque você não encontra nada civilizado por menos de R$ 800,00 por mês (fora condomínio). Tenho um amigo morando a 10 minutos a pé do Minhocão e da Cracolândia num apto de 38m² com um aluguel de R$ 1.200,00 (entre condomínio e o alguel em si). Ele só paga pq tem paitrocínio, caso contrário não daria conta.
    Aí eu me pergunto: onde esse povo ganha dinheiro pra pagar R$ 1.000,00 de aluguel ou para dar R$ 500.000,00 em uma caixa de fósforo que tem o guarda-roupa como uma parede de vidro na sala? (juro que já vi isso – e a justificativa pro quarto ser pequeno a ponto de não caber o guarda-roupa foi que a parede de espelhos amplia o ambiente da sala)
    Diziam que quem casa quer casa, né? Mas como proceder se o mercado imobiliário tá partindo pra agressão financeira?
    Boa sorte, de todo❤

  31. Jane says:

    A sua história é triste, mas acredite tem muitas piores por ai … moro com meus pais , ficamos 1 anos e meio buscando casa pra comprar, é dificil mesmo .. ou os preços , a localização, vizinhança, até a localização do sol você tem que prestar atenção, quantidade de janelas, se for apartamento sempre se ligue no preço do condomínio. Compre jornais, mas tem uma coisa .. depois de procurar casa por 1 ano, sabe como foram as melhores casas que encontramos ? boca – boca , nem corretoras , nem jornal .. foi perguntando mesmo para moradores de ruas que gostavamos se conheciam casas vendendo ou alugando e tal, muita coisa não vai pro jornal, fato!

  32. Fernanda Buarque says:

    É Fê está super difícil encontrar um apartamento padrão para uma ou duas pessoas aqui no Rio, faz 8 meses que estou procurando um apartamento para mim e não encontro, já vi apartamentos de todos os tipos: minúsculos com preços absurdos, minúsculos e detonados com preços absurdos, do tamanho ideal com preço bom mas absolutamente detonados(que seria um baita pepino) e os lindos com preços surreais.
    Fora os proprietários que fazem a gentileza de mentir nos anuncios e por telefone tbm: dizem que está em bom estado e quando vc chega… fica chocada, classificam o apê como quarto e sala e quando vc chega é um conjugado ou até um “Kitnete” que mal cabe uma geladeira imagina uma maq. de lavar!
    Tah difícil mas não desista, eu não vou desistir, porque o nosso apartamento dos sonhos tá por aí.. esperando por nós em algum lugar!
    Boa Sorteeee! = ]

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s