Now reading: Animal Farm

.

 

What’s the nature of this life of ours? Let us face it: our lives are miserable, laborious, and short. We are born, we are given just so much food as will keep the breath in our bodies, and those of us who are capable of it are forced to work to the last atom of our strength; and very instant that our usefulness has come to an end we are slaughtered with hideous cruelty. (…) Why then do we continue in this miserable condition? Because nearly the whole of the produce of our labour is stolen from us by human beings. There, comrades, is the answer to all our problems. It is summed up in a single word – Man. Man is the only enemy we have.

.

Existem tantos clássicos no mundo que às vezes dá uma mini angústia na gente: nunca vamos conseguir conhecer todos. Quando meu namorado comprou 2 livros do George Orwell em um sebo, surgia a possibilidade de conhecer esses clássicos: Animal Farm (A Revolução dos Bichos, em português) e 1984. Ele devorou o primeiro com tanta vontade, citava trechos, falava que eu precisava ler de qualquer jeito. Bom, a hora chegou.

Animal Farm conta a história de uma fazenda em que os animais tomam o poder, expulsando o dono, Mr. Jones, seus empregados e sua mulher. Daí começa uma história que lembra muito a política de alguns países – pq, se há uma revolução, alguém deve tomar o poder, certo? – e fala bastante sobre a nossa sociedade. Sabe quando a gente reclama, reclama de política, mas no fim das contas tem memória curta e acaba seguindo na mesma e deixando as mesmas pessoas no poder? Então. Cavalos, galinhas, vacas, cachorros, patos somos nós.

Antes que alguém ache que o livro pode ser chato (ain, política, que saco!), eu recomendo: leiam. É um dos melhores livros que já li. É uma fábula em que nenhum detalhe passa desapercebido, que cada capítulo tem uma surpresa, e que cada texto é tão descritivo que, muitas vezes, parece que você está assistindo à cena. Recomendo.

Advertisements

12 thoughts on “Now reading: Animal Farm

  1. A Debs do Deborices says:

    opa, esse livro é animal mesmo (tudumpish)

    ele só me deixou muito triste porque a gente vai lendo e se reconhecendo e vai chegando a conclusão que talvez a política e toda a humanidade não tenham muita solução mesmo.

  2. priscilla says:

    o orwell faz alusão à sucessão de líderes da urss soviética. nesse livro cada um dos porcos representa um deles: há lenin, trotsky e stálin representados por cada um dos porcos.
    mt legal ler vendo isso! bjss

  3. Ivy says:

    Li os dois livros no final da adolescência. Estão na lista dos meus preferidos.
    Tanto que na faculdade usei A Revolução dos Bichos pra trabalhar sociologia no meu Plano Pedagógico.
    Tem o filme também, mas o livro é mais legal!
    Bjo

  4. Jéri Silva says:

    Fer, é ou não é o cheiro mais gostosinho que existe? também to usando a colônia da Johnson’s!Engraçado a gente ver os outros usando o mesmo que nós! hehehe

  5. Nativa Areas says:

    Achei que estavam falando so cheirinho de livros de sebo, amo!!!!
    Esse livro é sensacional! Cada capítulo que eu lia era meia hora com o livro no colo pensando sobre tudo isso.

    Adoro seu blog Fê (a íntima!), mas acabo nunca comentando (sorry =/), bom saber que existem blogs como o seu que nos ensinam a ficar bonitas por fora e também por dentro.

  6. Nine says:

    Oii!
    A Revolução dos Bichos é o máximo mesmo! Faz tanto tempo que li, queria ler novamente.
    A próposito: alguém conhece algum site confiável para baixar livros!?
    (sem ser o domínio público)

    Beijos! Estou amando o blog! ❤

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s