Vamos falar de novela?

Eu sou noveleira. Eu adoro televisão. Tirando as bizarrices que são Faustão, Gugu e companhia, eu vejo quase tudo, principalmente novela. Quem é meu amigo no feice já está até acostumado com meus links de cenas da novela das seis, por exemplo (inclusive fiz um post sobre ela aqui). E hoje estreia mais uma novela nova, das oito, pra deixar a Gloria Perez com friozinho na barriga depois do ultra-mega-sucesso que foi Avenida Brasil. E eu queria dizer que, como noveleira, não vai dar para acompanhar Salve Jorge. Pelo menos não agora. Não depois do nosso #oioioi… pq essa novela mudou tantas coisas nas novelas que eu acho que vai ser dureza voltar para o arroz com feijão.

Avenida Brasil foi incrível pq:

♥ Mostrou um subúrbio menos esterotipado

Não dá para dizer que “O Divino é o retrato do Brasil”, como muita gente gosta de esbravejar, mas de fato você via as pessoas falando todas ao mesmo tempo (como geralmente acontece na casa da gente), falando de uma forma crível (a Olenka e todo o núcleo do salão falavam de um jeito muito cariocão) e se vestindo dentro dessa realidade;

♥ O figurino foi verossímil

A gente está acostumado a ver na TV os personagens usarem terno e salto alto em casa, né? O cara chega do trabalho e a mulher está preparando um uísque pra ele usando um longo de festa. A menina pobre usa Farm e Cantão, sabe como? Em Avenida Brasil, pela primeira vez eu vi personagem repetindo roupa. Suelen usando legging que poderia ser da feirinha, Darkson de regata, Leleco também com os bracinhos de fora. A primeira fase então, alguém lembra? Carminha usando camisa sem manga, pochete, sandália daquelas de velcro, saia jeans feita de calça reformada. Demais;

♥ Um tema: vingança

Crianças abandonadas em um lixão com um catador alcoólatra, olha que pesado? E a vingança permeou toda a trama – acho que foi por isso que gostei do fim, que coroou o perdão, redimiu a Carminha e trouxe paz para a chata da Nina;

♥ Um montão de revelações

O Adauto, pra mim, foi o rei dessa novela. Juliano Cazarré, que já tinha feito um milhão de filmes brasileiros pode, finalmente, ser conhecido pelo grande público, parado na rua, ser capa de revista. O mesmo aconteceu com uma série de outros personagens que tiveram a chance de crescer, como a Fabíula Nascimento (Olenka), a Cacau Protásio (Zezé), o José Loreto (Darksson) e a Mel Maia, que interpretou a Nina quando criança;

♥ Coisa de cinema

Eu gostava muito de reparar na câmera dessa novela. Na sequência que culminou na morte do Max, a câmera tremia, seguia colada nas expressões faciais dele. Outra cena incrível foi aquela em que Max e Carminha dançam juntos no barco dele – ele acreditando que fugiriam juntos; ela pedindo perdão por estar envenenando-o. O texto bacana, e a câmera com jeito de cinema e a trilha deixavam esses atores na cara do gol;

.

♥ Carmen Lúcia, sua diva

Adriana Esteves merecendo um Oscar. Ponto.

♥ Fenômeno Social

Em um momento em que o facebook está no auge no Brasil (brasileiro adora mídias sociais!), não se falava de outra coisa online. Eu mesma via a novela conectada no twitter, seguindo um monte de gente que fazia o mesmo (os melhores comentários de todos!).

,

Esses são só alguns motivos para não ver Salve Jorge, viu? Pelo menos não nesse começo, não com uma delegada que usa roupas vindas direto da passarela dentro de casa, não com o herói da história sendo militar da UPP (Eduardo Paes, o prefeito eleito do Rio, deve estar felicíssimo com a propaganda gratuita em ano de eleição), não com os mesmos atores que sempre fazem as novelas da Glória Perez (seeeeempre os meeeesmos!), não com as pessoas indo para a Turquia como se fosse São Paulo, não com todo mundo dançando no meio da sala. É tudo muito previsível, sabe.

E vocês, também são noveileiros?

22 thoughts on “Vamos falar de novela?

  1. Catarina says:

    “não com todo mundo dançando no meio da sala”

    É por isso que eu gosto das Novelas da GP, essas dancinhas infames (pra nossa visão) e músicas exóticas engraçadas que grudam. Atcha atcha atcha atcha atcha aaaaaaaaaaaa

  2. Joyce says:

    Menina, sou noveleira demais da conta sô!Vc ja percebeu que tem gente que não admite gostar de novelas mas sabe tudo que acontece na trama?Adooro novelas!

  3. Laura says:

    Eu comecei a ver a novela mais no meio e adorava!
    Aí achei que chegou num ponto que perdeu um pouco a graça, não sei bem por quê.
    No final voltei a assistir, afinal, tinha que saber que fim cada personagem ia ter.
    Esperava que a Carminha fosse se dar bem e achei aquele trauma do Adauto meio desnecessário, sei lá.
    Agora acabou e não estou muito interessada nessa nova novela.

    Bjs.

  4. Jones Pelech says:

    Você fez uma ótima sínteze do que a novela representou na teledramaturgia brasileira. Ela povoou por meses o imaginário dos brasileiros, de uma forma como eu (que tenho 22 anos) nunca vi acontecer se tratando de uma novela.
    “Avenida Brasil” entra pra um time seleto, sendo uma das melhores tramas já produzidas pela tevê mundial. E Glória Perez é – com certeza, sem dúvida, absolutamente – a autora mais previsível do Brasil.

  5. Fezinha says:

    Muuuuuuito bom Fer!!!! mais tarde vou linkar no face…alguns amigos amariam esse post. Não tiro uma vírgula! As roupas da Olenka eram MUITO subúrbio…Carminha saindo da prisão foi demais no figurino tb. A única coisa de figurino que me incomodou foram as crianças no lixão. Muito mendigo nouvelle vague…

    Beijo!!!

  6. Cintia says:

    Acrescento mais duas cenas que eu amei…que são referencias de cinema, o quase “enterro” da Nina quem não lembrou do Tarantino??? e a da familia tufão com aquela kombi vindo de Cabo Frio para Rio de Janeiro pequena miss sunshine….hilário!!!. Acho que o diferencial da novela foi o autor, diretor e o elenco todos tranbalharam na excelencia e isso não acontece sempre, foi especial!

  7. camille says:

    sem querer parecer chata, e já sendo: amo séries e filmes e tenho pa-vor de novela e, confesso, me senti em marte por causa de tanto que falavam desta última das nove. comecei a achar que as pessoas tinham sofrido alguma lavagem cerebral ou algo do gênero. rs. porque, pô, fazia tempo que uma novela não chamava tanto a atenção. me pergunto se foi assim uma parada natural mesmo ou se rolou um baita marketing poderoso. hehe

  8. Kate says:

    Mulher, NUNCA VI UMA CRITICA TAO PERFEITA, exceto o fato de tu ter curtido o fim da novela como foi (eu não curti) concordo com absolutamente TUDOOOO que vc falou. E eu ODEIO essas novelas em que India, Marrocos e Turquia são “ali do lado” e só tem gente bonita fantasiada pra festa. TU ACHA MESMO QUE UMA PROTAGONISTA DO MORRO DO ALEMÃO TEM AQUELE CABELO DE ESCOLA E BABY LISS DE SALÃO TODO DIA? dá licença viu?

  9. Maria Lethícia says:

    Concordo em gênero,numero e grau..
    Eu só acho que Av Brasil acabou se tornando redundante demais…Nina sempre voltando a estaca zero,Debora e Cauã super sem química,enfim…O final eu acho que a gente não tem de reclamar sabe??? Todo mundo ja sabia o que ia acontecer,minha crítica só vai pra falta de cuidado ao fazer a passagem de tempo..Kd Agatha,o baby da Suellen,Monalisa com o mesmo corte…Essas coisas assim,sabe!? A gente super repara nisso,não tem como!!! Eu sempre fui noveleira,desde pequenininha,mas de uns tempos pra cá as novelas vêm perdendo a graça…Os finais chatos,enredo se perdendo..Eu super me animei com as chamadas dessa leva de novela que vieram agora,mas não tenho saco p assistir. Só assisto se estiver com o pc ou notebook por perto,por que haja paciência.. Gloria Perez tem uma coisa de fazer um eixo Brasil – Exterior que fica meio sem cabimento,tipo essas dancinhas,os estrangeiros falando português (?) e etc,ainda que no final tenham aquelas lições de moral..Minha mãe deu p perturbar minha cabeça com isso de trafico,e perere pão duro..Além do elenco sempre igual né!? Vera Fischer,Walter Breda,Mussunzinho,Neusa Borges,Totia Meireles…To aqui,Glorinha,vamos inovar? Hehe

  10. Patrícia says:

    Eu sei que o foco aqui é Avenida Brasil, mas não pude deixar de dizer que essa novela das 19h, Guerra dos Sexos, é chata de doer!!!!!!!! Tanta saudades das empreguetes e do baile do Divino também, é claro!

  11. dani says:

    Fer eu concordo muito contigo , nossa aquela cena da carminah dançando com max no barco foi uma das melhores mesmo , agente conseguia sentir a afliçao dela , foi mto forte … fico procurando ela na net pra rever e nao acho …. se achar me passa ! bjssssssss

  12. Carol says:

    Oi!! Acabei de conhecer seu blog e, bom, não sou fã de novela nem gosto muito de assistir tv, mas você é linda e tem muito estilo e personalidade! Já virei fã! bjooo

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s