Uma peça, um milhão de combinações

Outro dia eu estava pensando se não incentivo muito o consumo por aqui. Sim, o nome do blog diz muito, mas eu mesma não mostro metade do que eu compro aqui. Quer dizer, não mostro de uma vez, vou mostrando aos pouquinhos e tal. Mas é pq eu compro demais, e acho que isso não é certo. Por isso, quero fazer um esforço maior pra usar (muito!) as peças que tenho, vender (ou dar) as que não uso e tentar comprar menos. Acho que é um exercício que vale pra todo mundo. Assim, inspirada na Mel, que sempre compõe looks diferentes usando a mesma peça, mostro para vocês 3 looks que usei com o mesmo colete, comprado na liqui de verão da Maria Filó:

.

.

Esse colete eu já tava namorando desde que apareceu lá no blog da Maria Filó, mas o precinho não ajudava. Quando entrou pra liqui, o preço caiu pra metade. Não resisti e comprei. Vocês sabem que eu adoro peças estampadas, e estou especialmente apaixonada pelos tons de rosa, laranja, goiaba e manga rosa (as misturas de laranja com rosa, sabe?). E o corte do colete lembra uma perfecto, com o zíper meio inclinado. Amei tanto que, basta lavar que eu quero usar o bichinho de novo.

.

Look 1:

.

.

Usei ontem, para sair com a minha amiga Manu passear no shopping (não comprei nada!) e tomar um chopp. Saí toda de laranja e resolvi ousar usando dois statement juntos:

.

Vestido Lucidez, Colete Maria Filó, Colar azul Zara, Colar de metal Renner

.

Look 2:

.

.

Esse look eu usei em um dia de sábado para trabalhar e depois ir ao cinema com o namorado. Como o cinema era na Barra, em uma sessão super cedo (tava louca para ver O Garoto de Liverpool) demos uma esticada e fomos tomar uma água de côco na praia. Delícia!

.

.

.

Acreditam que eu já tenho essa saia há anos, mas nunca tinha usado! Talvez pelo fato dela ser muito fina e branca (= transparente, preciso colocar com uma anágua embaixo). Estou pensando em tingi-la de preto, acho que vou usar mais.

Saia sem marca, blusinha idem. Colete Maria Filó, Sandália Imporium, Colar ferdy e Anel Josefina Rosacor.

.

Look 3 (meu preferido):

.

.

O colete tem umas gotinhas, o vestido tem coraçõezinhos. Achei que ficou lindo. Usei para um encontrinho na casa de amigos no fim de semana.

.

Vestido Checklist. Colete Maria Filó. Sandálias Santa Lolla.

.

Eu já tenho um look preferido. E vocês?

.

P.S.: Pra quem quer um coletinho por apenas R$ 30, tem duas opções bacanudas lá no Pechincha. Corre!

Advertisements

Minhas (pseudo) Alexas

Lembram quando eu falei que tinha comprado umas bolsinhas meio Alexas, mas nem tããão Alexas no Ebay? Então, tem mais de duas semanas que elas chegaram, mas como eu sou uma enrolona, só estou falando delas agora.

Eu e Manoela (minha amiga que sempre topa compras conjuntas e que eu estou levando à falência) estávamos namorando as bolsas desse vendedor e compramos, cada uma, duas bolsas, para dividir o frete. Nossas escolhas foram:

.

.

.

Reparem que todas as quatro tem uma pegada meio escolar, fechos com essas fivelinhas de pasta de escola e tal. Mas não são a Alexa. Então, né, tem como ficar no clima da moda sem necessariamente ficar igual a todo mundo (não que isso seja necessariamente ruim!). Sem contar que essa “merendeira” amarela é a maior fofura!

.

Agora a parte ruim: fomos taxadas. O vendedor mandou dois pacotes com duas bolsas cada. O primeiro chegou numa boniteza que só, foram mais ou menos 20 dias e lá estavam as belezuras. O segundo pacote demorou mais uma semana para chegar, isso é, para que o aviso chegasse na minha casa. Lembrando que uma bolsa custou US$ 15 (a amarela) e a outra US$ 9,77. Ou seja, o pacote todo custou menos de 50 dólares. No entanto, fomos taxadas em absurdos R$ 122,72. Sério. Deviam achar que eu estava comprando Chanel.

Correios brasileiros, meu beijo hoje vai pra vocês.

E agora, as bolsas:

.

Elas são exatamente o que parecem na foto, sendo que a marrom é de um “couro” mais próximo da camurça, sabe? E achei que os ganchos eram meio frágeis para o tamanho da bolsa (sou do tipo que carrega a capacidade máxima permitida), então comprei outros e substitui no sapateiro por R$ 2. A bolsa amarela é uma gracinha, uma fofura, e todo mundo fala que eu estou levando o lanche da escola aí dentro. hahaah

As bolsas da Manu são bem bacanas também. A maior, marrom, é mais maleável, enquanto a menor tem uma vibe meio antiguinha, boa para sair.

Para quem gostou, o vendedor é esse aqui. No entanto, preciso avisá-las que ele é o maior mão de vaca para negociar um desconto. Compramos 4 bolsas e o máximo que eu consegui foi um desconto de US$ 1 por bolsa. Ridículo. Mas o fato é que o cara tem muita coisa bonita e leilões que podem valer a pena para muitas peças (as minhas foram todas compradas no leilão, e agora vi que o preço fixo está bem mais alto. Vale a pena esperar para comprar depois do Natal).

Vamos experimentar?

Geralmente, quando separo uma roupa para sair, parto de uma peça que eu queira muito usar (na maioria dos dias eu tenho várias peças nessa situação, em outros dias tudo me parece uma bosta) e vou coordenando os acessórios. Assim, há composições que tem super a ver com uma série de cordões fininhos, outras com um colar enorme, e há aquelas peças que você coloca um brinquinho e está pronta. Depois é só pensar em sapatilhos e uma bolsa e por aí se acaba a escolha por acessórios. No entanto, cada vez mais tenho pensado em broches como opções – broches no lugar de colares, brincos ou faixinhas de cabelo. Eles chamam a atenção para algum ponto específico, e por isso acabo optando entre a lapela e a cintura. Tenho visto muita gente pela internet fazendo isso – e a Karla não podia estar de fora, sou apaixonada pelo estilo dessa garota! – mas ainda tá difícil encontrar alguém pelas ruas da minha cidade usando broches… vamos experimentar?

Clica na foto que ela aumenta 🙂

.

Viram? Eu achei o máximo e tinha um tempão que eu queria experimentar. Vi que era a hora quando encontrei, num armarinho no centro, alguns brochinhos antigos. Eles são breguinhas, deliciosamente kitsch, e resolvi comprar pra usar num visual mais retrô. Usei minha nova compra com um broche liiindo de camafeu (que também é pingente de um colar) que minha amiga Manu me deu, e saí por aí assim:

.

.

.

.

E minhas sapatilhas novas da City Shoes!

Estou completamente APAIXONADA por elas! A cor amarelinha e as tachas são a combinação perfeita das tendências de inverno com as de verão!

.

E os brochinhos!

.

O meu “achado” foi esse de cima, que parece um ninho! É muito fofo. Para quem gostou, eu comprei um a mais, e está lá no flickr de ferdy!

Saia Jumps. Blusa Lucidez. Broches SYN Acessórios e vintage. Sapatilha City Shoes [look patrocinado].

Quem mais tem usado brochinhos por aí?

Girls Night Out

Assim, eu nem sou muito de sair à noite. Eu acordo cedo, trabalho aos sábados, durmo cedo, o namorado reclama… é tanta coisa impedindo que eu acabo nunca indo à night. Uma grande bobagem, pq sempre que eu vou numa night bacana (que toca as músicas que eu curto, em lugares que conheço) fico pensando Nossa, como eu gosto disso! Pq não faço mais?

Dia desses saí com a minha companheira de aventuras Manoela para uma festinha. Um dos DJs da noite era o Léo Jaime, então já fiquei pensando que poderia rolar bastante coisa dos anos 80 e 90, que são bem a minha praia. Mas foi melhor! Sim, pq uma festa que toca que mistura David Bowie, Caetano com Lady Gaga e, do nada, solta uma Macarena não tinha como ser ruim. E o melhor: não tocou NADA de Black Eyed Peas!!! YAAAAAAAAAAAY!

.

.

Aaaaah, vai me dizer que existe coisa mais clichê do que o início de I’ve gotta a feeling e todo mundo com a mão pro alto fazendo uuuuuuuuuuuuuuuuuuh- huuuuuuuuuu! ?

WTF???!!!

.

.

Mas olha o ponto tenso de sair à noite: maquiagem. Assim, quando eu digo que tenho 14 anos não é só por ler Crepúsculo não. É pq eu não sei essas coisas de mocinha, e me maquiar é dose. Mas vamolá, né, boate é lugar escuro por natureza e ninguém vai notar se eu passei uma sombra de um jeito em um olho e diferente em outro. Tá, alguém VAI perceber, mas dane-se. Coloquei uma sombra verde da Yes!, um batomzão (raspberry matte, da Contém 1g) e fui.

Vanessa Rozan, me adota!

.

Saia Jumps. Blusinha Renner. Casaquinho ultrafino Zimpy. Sandália Andarella. Colares Paula Velloso.

Finde fora de época

Eu deveria ter feito esse post ontem, deveria mesmo. Mas o FESTIVAL do 20 REAL (sic) foi um sucesso tão grande que eu fiquei louca com tantos e-mails!! Pra quem não conseguiu arrematar nenhuma peça, aviso logo que me empolguei e em breve repetiremos esse eventinho aqui no blog. Fiquem ligadas!

Mas voltando ao finde. Foi uma correria só para tirar as fotos da bolsa Fernanda, homenagem fofa que a Liana da Intuitif fez às blogueiras pela segunda vez. Eu queria uma foto bem verão, bem sol, bem mar… mas graças a uma grande confusão eu só tinha um dia para que São Pedro me ajudasse. Resumo: não ajudou, claro, São Pedro é um dos santos mais caras-de-pau que existem, pode perguntar pra qualquer um. Não dá pra contar com o cara, é tenso. O sábado que era pra ser meu dia de sol, praia e cerveja acabou virando um dia de trabalho, correria e ventinho frio. Mas é nessa hora que a gente conta com os amigos, não é mesmo??

Na falta do namorado, corri para a minha amiga Manu, que acionou a Julia, gracinha-mór que foi a fotógrafa desse meu momento modelo. E, pra completar, ainda conheci o Telles, amigo da Manu de longa data. Fizemos uma amizade sincera em coisa de 5 minutos e saímos para registrar a bolsa Fernanda!

Podemos começar?

.

Verão é alegria! Olha a magia no olhar!

.

Julia e sua câmera potente riem da minha espontaneidade calculada.

.

Será que ficou bom?

.

Será?

Para saber mais, só amanhã, na estreia da coleção Blog-a-porter Verão 2011!!

Aguardem 🙂

 

Navy é vida!

Gente! Tô há um tempo para mostrar esse look pra vocês. É de quando eu estava loira (loura?) e é navy toda vida, então lógico que eu amei.

Usei num sábado passado, para ir ao trabalho. Tem tudo o que eu gosto: listras, dourado, vermelho, é cobertinho. E pra fechar, tem um bocão vermelho! Experimentei em ambiente de trabalho só por ser sábado mesmo, com um ambiente de trabalho mais casual. O batom é o Ruby Woo, da MAC, presente da minha sempre amiga Manu.

.

.

Gente, olha o truque! Essa blusa listrada é curtinha, não sei se pra usar com cintura alta, ou com barriguinha de fora num estilo Rihanna (dispenso). Então usei com uma ribana compridinha por baixo, cobrindo o cós da calça. Veja só como, ao criar esses dois blocos (blusa listrada + blusa lisa), eu dividi a minha silhueta e criei uma ilusão de cintura! (Coisa que praticamente não tenho, sou bem retangular). Super-fica-a-dica!

.

.

Aliás, pra quem gosta do estilo navy, eu recomendo uma visita à Zara. Gente, aquilo lá tá uma loucura, é vestido azul marinho com listrinhas, tshirts longas, blazers com detalhes brancos, muitas âncoras, muito branco. Eu particularmente surtei em coisa de 10 minutos dentro da loja, meu namorado é testemunha. Até vestido de renda tinha, só pq eu não podia comprar. Arregalei os olhos, dei gritinhos, abracei e cheirei algumas peças, exatamente como uma psicopata faria, mas não, eu só estava sem dinheiro (e o cartão de crédito ficou em casa, claro). Mas a Zara que me espeeeeeere! Dia 25 meu VISA vira a fatura e eu vou poder fazer umas comprinhas para pagar em setembro. Aí, meu bem, não vai ter pra ninguém.

Esse post é um oferecimento da minha nova coleção, Hey, Sailor, cheia de peças navy!! Ela entra no flickr na primeira semana de agosto, mas já fica um gostinho pra vocês:

.

.

Colar duplo de conchinhas!

Chubby gal

Essa foto é antiga. Tem umas 3 semanas, e talvez 2kg a menos. Sim, pq de lá pra cá eu virei uma draga devoradora de basicamente tudo que vê pela frente. Não que isso seja uma novidade, se você não me conhece, deixa eu me apresentar: oi, sou Fernanda e sou junk. Prazer. Sou o tipo de pessoa que quer provar todos os sandubas da Copa no Mc Donald’s (e provei QUASE todos, damn!), que adora uma empadinha, que parte pro arroz com feijão, que tá sempre disposta a mastigar/petiscar. E como esse meu último mês foi a mais pura pindaíba, nem pra academia eu fui – no money. Mas isso vai mudar, até pq eu quero voltar a usar meu vestidinho navy, que também pode ser adaptado para um visual mais rock, olha só:

.

.

.

Ele era usado com acessórios vermelhos e fazia um estilo navy assim

***

Eu sei que não sou ENORME, gente, mas sou fofinha, tenho tendência para engordar e tal. E tenho essa mente de gorda que me domina. Encontrei outro dia uma conversa minha com uma super-amiga-de-sempre, a Manu, que ilustra demais esse meu (nosso, né, amiga?) jeito tão peculiar de pensar que nada fica sem graça se tiver bacon. Enjoy.

 eu: se fosse eu usando, ficaria parecendo um saco de batatas: www.karlascloset.com (vai no dia 13 de dezembro de 2009)
Manoela: ai q lindo
em mim ia ficar horrível tb
eu: em mim, nossa
minha coxa aí dentro ia dobrar de tamanho (visualmente)
Manoela: a minha tb… acho q matematicamente mesmo
eu: uahuahuhhaa
e olha, na foto de costas não fica tão lindo
Manoela: é… isso consola
eu:
http://karlascloset.com/2009/12/sunday-afternoon.html
essa ficaria bem legal na gente
(desvia das fotos de comida, amiga)

Manoela: porra, comidaaaaaaaa
eu: auhuahuauhuah
Manoela: ai, gostei do sapato
eu: (se eu morasse nos eua, eu comeria waffles, pancakes, eggs & bacon e seria uma mulher gigante que só conseguiria usar cortina como roupa)
Manoela: eu tbbbbbbbbb
eu: uahuahuha
Manoela: nossa, total
eu: eu morreria com um colesterol num nível recorde.estou certa disso
Manoela: eu tb bateria recordes. fariam um programa de televisão sobre mim
eu: isso. sobre a dificuldade em encontrar roupas, meios de transporte e tal. como um alerta para a população
Manoela: “não fiquem como essa pessoa”
e iam entrevistar minha mãe, super desgostosa da vida… dizendo como não queria q aquilo acontecesse
eu: nossa, com certeza entrevistariam
Manoela: e no final, iam fazer uma vaquinha pra uma operação de estômago
eu: e ela iria contar como tudo começou com uma simples pilha de panquecas. fato. iam te operar no fim da primeira ou segunda (se o programa fosse um sucesso) temporada
Manoela: é! ia ser um sucesso com certeza.seria uma obesa carismática
eu: mas talvez, se você fizesse mt sucesso, fariam como ugly betty, sabe? que não querem transformá-la numa pessoa bonita
talvez rolasse um movimento, um fat pride aí

Manoela: é! será? poxa.. ia me sentir bem
eu: várias gordinhas do mundo iriam se unir para resgatar a sua auto estima e tal
Manoela: poxa, ia ser um trabalho legal.acho q vou correr atrás dessa parada.vou começar com um waffle.
eu: auuahuhauhuha. mas aqui é difícil, amiga:
1º ponto: é caro
2º ponto: é difícil de encontrar
Manoela: é carão
eu: ou wendy’s
poxa, um muffin? Quando a gente estivesse de dieta, né??
uauahuha
um muffin e um copão de leite
(aliás, eles bebem leite nas refeições, né??? uuuugh!)
eu: nos eua tem um em cada esquina!
Manoela: é.. verdade tb. então tenho q me mudar
eu: isso, temos. coloca um plural aí
Manoela: oba!
eu: vamos partir para a pilha de ovos com bacon acompanhado de uma jarra de café
(servido de preferência por uma garçonete de meia idade e maquiagem borrada)
Manoela: essas garçonetes são ótimas!!
mas tem q rolar aquela panqueca com maple syrup
eu: isso!!
é tipo a sobremesa do café da manhã
Manoela: sobremesa do café da manhã é mt sonho
eu: ahhhhh! E uma coisa importante: qdo estivermos deprimidas, temos que nos afundar num pote daqueles de sorvete pra cada uma
Manoela: siiiiiiiiiim! 2 litros pra cada
eu: yep
Manoela: hagen daaz, q deve ser barato
e o lanche da tarde?
eu: lá todas as comidas são baratas
Manoela: ia morrer
eu: mas então
Manoela: e o cheesecake diário tb
eu: claaaaro. e lanche da tarde no burguer king
Manoela: antes de dormir
com muffin
Manoela: eles bebem leite seeeempre
leite com sabor

eu: com sabor?
Manoela: é. chocolate, morango
eu: po, mas no almoço, assim?
Manoela: isso eu não sei
mas acho q estamos livres
hahahhaha
eu: tbm
que beleza!!

eu: auhuaahha
ei, amiga.
http://karlascloset.blogspot.com/2009/12/shaggyness.html
a coxa dela não é dessas finuras não!!
Manoela: ih, é mesmo!
fiquei feliz
amiga, vou emboraaaaaaaaaaaaaaaa

 Manoela: qq coisa, ligue! beijocas
eu: beijos!

Manoela está off-line. As mensagens enviadas serão entregues quando Manoela estiver on-line.